Sexta, 22 de junho de 2018
87 98130-4191
Política

11/06/2018 ás 01h12 - atualizada em 11/06/2018 ás 01h27

278

Garanhuns MINHA Cidade / Jhonathas William J.W

Garanhuns / PE

Armando Neto fecha chapa e abre avenida de possibilidades para Paulo Câmara
Por Fernando Castilho
Armando Neto fecha chapa e abre avenida de possibilidades para Paulo Câmara

Ao lançar, nesta segunda-feira, sua chapa para as eleições de outubro desde ano, o senador Armando Neto (PTB) inova em começar uma campanha com o time todo escalado mesmo estando na oposição. É uma aposta arrojada considerando que fechando o menu (prato principal, sobremesa e cafezinho), ele também fecha as portas para novos comensais na medida em que, definido o candidato a governo, o vice e os dois senadores, o que sobra para os demais partidos é apoio sem parte no rateio de cargos, salvo duas vagas de suplentes de senadores.


O senador deve estar escorado em informações muito consistentes para fazer isso na semana do início da Copa do Mundo quando as pessoas, a partir do final desta semana, estarão mais interessadas no potencial da consistente equipe de Tite do que em qualquer outra coisa. Imagina se vão se interessar por política?


Deve estar escorado em informações consistentes que justifiquem que escalando André Régis, do PSDB, Mendonça Filho, do DEM e André Ferreira do PSC formula um ajuntamento consistente e suficientemente forte para “catar votos” depois da Copa do Mundo quando o normal deveria ser ir tocando a bola no setor de aquecimento e conversando sobre o jogo até que governador Paulo Câmara entrasse com seu time principal já que ele quem está com a bola e é quem buscar a reeleição.


Deve saber que terá o apoio total de figuras do PSDB como Elias Gomes e Bruno Araújo para cerrar fileiras na defesa de sua campanha e deve ter avaliado que abrir mão de apoios importantes como José e Wolney Queiroz do PDT não ajudariam muito na disputa. E que o senador Fernando Bezerra Coelho e sua filharada também não tem outro caminho senão lhe apoiar já que o clã dos políticos de Petrolina não tem outro caminho senão lhe apoiar já que estarão no campo oposto a Paulo Câmara.


Também deve ter avaliado que o apoio do Progressistas, de Eduardo da Fonte, não era tão estratégico de modo que os Ferreira têm muito mais a oferecer no campo dos evangélicos que, por exemplo, o pastor Cleiton Collins.


Certamente o senador avaliou que feitas as contas era melhor botar o bloco na rua mesmo quando o único movimento visível é um discretíssimo interesse por camisas amarelas daqueles que, depois do 7X1 contra a Alemanha, usaram a malha quente delas para aquecer as camas de gatos e cachorros de tão decepcionados com o time de Felipão. Pode ser.


Mas essa pressa de Armando Neto tem um outro lado. O de deixar para o governador Paulo Câmara uma avenida de oportunidades de conversas com os demais partidos com a vantagem de pagar barato pelo apoio deles.


Se a gente olhar o time que ficou de fora do cardápio de Armando vai ver que dá para montar um menu completo com ingredientes a preço de ocasião com a vantagem de Paulo ainda poder pechinchar.


Façamos uma conta simples. Porque Paulo Câmara vai pagar mais caro por apoio dos que estão fora do menu de Armando? Porque vai ter que apostar mais manteiga, creme de leite e carne de primeira, para montar um cardápio (digo uma chapa), em que os ingredientes estão a preços, digamos, bem interessantes?


É curioso que Armando Neto tenha feito esse movimento quando ninguém nos demais estados sequer disse que era candidato? Deve ter informações que ninguém tem.


E sempre tem ainda aquela questão embutida nessa nota “meia boca” do PT que primeiro lança Lula, depois diz que a Executiva Nacional terá a palavra final sobre candidaturas regionais e que espera apoio do PSB.


E se o PSB disser que não está a fim de se abraçar com a candidatura de Lula e for cuidar da vida dele? E se o PT -sem esse apoio – liberar as candidaturas nos estados e se Marilia Arraes virar candidata, com Silvio Costa e mais os partidos de esquerda? Até porque sem um casamento do PT com o PSB o partido não vai ficar de fora da eleição.


Armando Neto deve estar muito seguro de tudo isso para juntar sua gente e lançar sua chapa antes que, nacionalmente, rigorosamente nada esteja definido e o quadro nacional esteja mais embaralhado que trança de pau de sebo.


Por Fernando Castilho / JC uol

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Blog Oficial da Fan Page Garanhuns MINHA Cidade

Blog Oficial da Fan Page Garanhuns MINHA Cidade

Blog/coluna Blog Oficial da Fan Page Garanhuns MINHA Cidade
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium