Sexta, 26 de maio de 201726/5/2017
** *****-****
Parcialmente nublado
13º
15º
22º
Ashburn - VA
dólar R$ 3,28
euro R$ 3,68
Banner topo
ECONOMIA
INSS pagará benefício no feriado de Quarta de Cinzas
O objetivo do instituto é evitar atraso no pagamento, que seria feito somente em 2 de março
Central Garanhuns - PE
Postada em 01/02/2017 ás 20h54
INSS pagará benefício no feriado de Quarta de Cinzas

Os benefícos de janeiro já estão sendo pagos, os depósitos começaram no último dia 25, terminam em 7 de fevereiro. Foto: Jhonatan Vieira/Esp CB/D.A Press


A Quarta-feira de Cinzas não atrapalhará o pagamento dos benefícios do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Apesar do meio feriado - o expediente começa depois do meio-dia nos bancos e na maioria dos estabelecimentos - o INSS decidiu manter o calendário para quem recebe no primeiro dia do mês. Ou seja, os beneficiários receberão os benefícios em 1º de março.

O objetivo do instituto é evitar atraso no pagamento, que seria feito somente em 2 de março. Os benefícos de janeiro já estão sendo pagos, os depósitos começaram no último dia 25, terminam em 7 de fevereiro. Para consultar o cronograma de pagamentos, os beneficiários devem entrar no site www.previdencia.gov.br e observar o último número do cartão de benefício, excluindo-se o dígito.

FONTE: Diário de Pernambuco
O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

500 caracteres restantes

  • COMENTAR
    • Prove que você não é um robô:

Publicidade

AppFIG
Facebook

Publicidade

Banner sessão 1 Mano Imóveis (Shows)

Publicidade

Banner sessão 1 Tyoflan (esportes)

Publicidade

Enquete
Se as eleições presidenciais do Brasil fossem hoje, em quem você votaria?

Lula
104 votos - 44.1%

Marina Silva
57 votos - 24.2%

Aécio Neves
57 votos - 24.2%

Michel Temer
18 votos - 7.6%