Anuncio 2
ELEIÇÕES 2018
BOLSONARO É UMA AMEAÇA À PAZ E À DEMOCRACIA
Por Roberto Almeida
Blog Oficial da Fan Page Garanhuns MINHA Cidade

Blog Oficial da Fan Page Garanhuns MINHA CidadeBlog Oficial da Fan Page Garanhuns MINHA Cidade

06/10/2018 03h34Atualizado há 7 meses
Por: Jonathas William J.W (Garanhuns MINHA Cidade)
Na foto publicada no Diário do Centro do Mundo, o deputado com Marco Antônio Santos, brasileiro e neonazista assumido.
Na foto publicada no Diário do Centro do Mundo, o deputado com Marco Antônio Santos, brasileiro e neonazista assumido.

Adolfo Hitler quando chegou no poder na Alemanha (com apoio popular) já se sabia quem ele era.

Ele escreveu um livro, quando muitos no seu próprio país e na Europa não o levavam a sério, chamado “Mein Kampf” (Minha Luta), em que expressou de forma muito clara suas ideias racistas, antissemitas, contra os ciganos, os homossexuais, simpáticas à guerra e a violência.

Quando chegou a chanceler (com poderes de presidente), usando no partido que criou o rótulo de “nacional socialista”, destruiu a democracia, perseguiu minorias (até deficientes foram eliminados com o propósito de “purificar” a raça ariana).

Depois invadiu a Áustria, a Checoslováquia, a Polônia, a França, a Holanda, a Grécia e outros países.

Na segunda guerra mundial provocada por Hitler mais de 50 milhões de pessoas perderam a vida.

Seis milhões de judeus foram assassinados, a maioria asfixiada em câmaras de gás venenoso. Foi o chamado Holocausto.

Até hoje, passados 70 anos da brutalidade do regime nazista, os alemães têm vergonha de terem parido um salvador da pátria megalomaníaco e assassino.

Bolsonaro é uma preocupação mundial porque tem muitas semelhanças de ideias com Adolf Hitler.

Ele não teria o mesmo poder e força do alemão para levar a uma nova guerra mundial nem mataria tanta gente.

Mas com certeza tornaria o Brasil um país mais perigoso. Jornalistas trabalhariam com medo, artistas teriam suas atividade cerceadas, a mídia seria controlada e a corrupção poderia até aumentar, mas seria jogada pra debaixo do tapete e ninguém teria coragem de denunciar.

É preocupante o atual momento político. Queira Deus que os brasileiros, como os alemães, um dia não tenham de se envergonhar por inventar um mito que defende torturadores e não acha coisa do outro mundo uma mulher ser estuprada.

O tal mito esteve ao lado de Temer desde o impeachment, votou a favor de todo o pacote de maldades do presidente usurpador.

Seria, porém, muito pior que ele. 

Você já pensou pra pensar quanto seria trágico um dia a gente sentir saudade da "Era Temer"? 

*Roberto Almeida é jornalista e editor do blog Roberto Almeida. 
 
 
Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Garanhuns - PE
Atualizado às 02h13
20°
Muitas nuvens Máxima: 28° - Mínima: 20°
20°

Sensação

13.2 km/h

Vento

96.7%

Umidade

Fonte: Climatempo
Anuncio ao lado de mais lidas
Banner sessão 1 Tyoflan (esportes)
Municípios
GastroMED
Últimas notícias
Crianças
Mais lidas
Anúncio