Sábado, 21 de Maio de 2022
22°

Pancada de chuva

Garanhuns - PE

Geral Pará

Operação Super Overlord intensifica ações ostensivas com 1.383 viaturas em ronda

Na Região Metropolitana de Belém, a ação reuniu as tropas dos Comandos de Policiamento da Capital I e II (CPC I e CPC II); entre outras

14/05/2022 às 08h35
Por: Central Fonte: Secom Pará
Compartilhe:

A nova fase da "Operação Super Overlord - Maio 2022", deflagrada pela Polícia Militar nesta sexta-feira (13), bateu novo recorde de veículos empregados de forma simultânea, nos horários compreendidos entre às 17h e 01h. Ao todo, foram utilizados 1.383 viaturas - sendo 962 carros e 421 motos -, visando intensificar as ações ostensivas e preventivas, diminuir os índices de criminalidade e garantir mais segurança para os moradores da Região Metropolitana e interior do Estado.

Policiais militares que atuam na atividade-meio da Corporação, foram utilizados para reforçarem na prevenção e combate à criminalidade, coibindo a prática de ações delituosas, principalmente roubos e furtos em locais de grande circulação de pessoas. 

O Departamento-Geral de Operações (DGO) foi a unidade responsável por planejar, coordenar e distribuir os mais de 3 mil policiais militares empregados na operação em todo o Estado (ao todo foram 3.382). 

Além dos 1.383 veículos automotores, a PM também atuou por meio do Policiamento Montado, com emprego de 16 cavalos do Regimento de Polícia Montada (RPMont), em Belém, e três búfalos do Comando de Policiamento Regional XI (CPR XI), no Marajó Oriental; além de 5 lanchas e 10 bicicletas. Garantindo desta forma, policiamento reforçado e diversificado de acordo com as peculiaridades de cada região.

Na Região Metropolitana de Belém, onde foram destinadas quase 600 viaturas, o Parque Urbano Porto Futuro, no bairro do Reduto, foi o principal local de concentração da operação onde foram reunidas tropas dos Comandos de Policiamento da Capital I e II (CPC I e CPC II); Policiamento Ambiental (CPA); Policiamento Especializado (CPE), Missões Especiais (CME); Corregedoria-Geral (Correg) e Quartel do Comando Geral (QCG).

As últimas orientações foram realizadas pelo comandante-geral, coronel Dilson Júnior, que acompanhou de perto a saída e distribuição das motos e viaturas, sendo a maioria delas empregadas no Policiamento Básico Estratégico (PBE) em grandes corredores, com maior fluxo de veículos e pessoas, permitindo a ocupação territorial dos espaços públicos.

"Empregamos hoje o máximo possível dos nossos efetivos operacional e administrativo nas ruas para garantir mais segurança à população e continuar diminuindo os índices de criminalidade. A principal orientação que eu dou hoje, é para que haja ainda mais interação e troca de informações entre os grandes comandos", frisou o coronel Dilson Júnior, que exemplificou: "dessa forma, o CME verifica com os oficiais do CPC I e CPC II quais áreas a serem saturadas em Belém e da mesma forma o CPA e CPE, seja na região metropolitana ou no interior. 

"A unidade que atua diariamente na área é quem sabe onde são os pontos mais sensíveis, que são os locais onde nós vamos intensificar a fiscalização e abordagens", concluiu o oficial.

*Texto do sargento Josuelton Chagas - Ascom PM

Por Governo do Pará (SECOM)
Garanhuns - PE Atualizado às 15h02 - Fonte: ClimaTempo
22°
Pancada de chuva

Mín. 19° Máx. 24°

Dom 25°C 19°C
Seg 24°C 18°C
Ter 25°C 18°C
Qua 25°C 19°C
Qui 24°C 18°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Enquete
Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias