Sábado, 21 de Maio de 2022
21°

Pancada de chuva

Garanhuns - PE

Geral Pará

Especialista do CIIR alerta para os riscos potencializados do sedentarismo em PcD

A fisioterapeuta, Monizze Carleto, recomenda a atividade física, independente da limitação da pessoa, considerando, é claro, as especificidades de cada um

14/05/2022 às 11h15
Por: Central Fonte: Secom Pará
Compartilhe:

A prática regular de atividade física é indicada para melhorar a qualidade de vida e bem-estar emocional. Para as Pessoas com Deficiência (PcD), os benefícios são ainda são maiores, entre eles, o aumento da força muscular, da resistência, da coordenação motora, do equilíbrio, da flexibilidade e da agilidade. Sem falar que melhora a circulação, aumenta a imunidade, auxilia no controle do peso e na redução do risco de obesidade.

De acordo com a coordenadora de Fisioterapia do Centro Integrado de Inclusão e Reabilitação (CIIR), Monizze Carleto, a  atuação da Educação Física é extremamente importante, assim como a  Fisioterapia. “A atividade física é indicada para a melhoria da saúde e qualidade de vida. Para as pessoas com deficiência física, praticar essas atividades e obter esses benefícios também é possível, respeitando as diferenças dos indivíduos e realizando as adaptações necessárias para cada indivíduo”.

A profissional alerta para a condição de sedentarismo na maioria dos deficientes físicos em função do tempo do seu comprometimento, com isso, podem surgir complicações cardiovasculares e respiratórias. “Para evitar mais complicações é recomendado que o usuário pratique atividade física, independente de sua limitação, seja ela atividades individualizadas, que consideram as especificidades de cada pessoa, ou realizando atividades em grupo, que proporcionam socialização e interação. O importante é que a prática adaptada seja confortável e segura”.

Monizze também aponta outro importante benefício da atividade física que contribui para melhoria do aspecto social e emocional, pois uma vida mais ativa ajuda na descoberta de potencialidades, aumenta a autonomia para realização das atividades diárias, melhora o humor, reduz a sensação de estresse e os sintomas de ansiedade e de depressão, auxilia nas demais áreas da reabilitação e na ampliação do ciclo de amizades.

A fisioterapeuta cita como exemplo a prática de Canoagem oferecida pelo CIIR, que é uma atividade realizada em grupo que melhora as habilidades de socialização, ajudando na inclusão social, na criação e no fortalecimento de laços sociais e vínculos. A atividade que envolve três modalidades: canoagem com canoa havaiana que pode ser praticada individualmente ou de forma coletiva. A canoa caiaque pode ser individual duplo. O Stand Up Paddle (SUP) é o diferencial.

O aposentado, Luiz Otávio Cardoso Mendes, 70, é um exemplo prático do beneficio de atividade física. Com baixa visão, ele tem 80% da vista esquerda comprometida causada por degeneração de mácula na retina. Ele recebe assistência em reabilitação visual. O usuário afirma que a vista do lado direito é melhor. “Após atendimento aqui, minha saúde visual melhorou. Na reabilitação aprendi como conviver com as dificuldades visuais diárias, vestir roupas, andar nas ruas sozinho”.

Hoje, ele faz parte do grupo de canoagem do CIIR. “Isso me faz muito bem, me reabilito, encontro com os colegas. Espero que nunca acabe. Há dois anos estou no grupo. Na canoagem, ao ver Belém do rio é maravilhoso. Já fomos até Icoaraci, no Ver-o-Rio. No trajeto, também recebemos informações sobre a história de Belém e seus monumentos na orla da cidade”.

Estrutura –O CIIR oferece, em um único complexo, atendimento para pessoas com deficiência física, intelectual, auditiva e visual para usuários de todas as faixas etárias. São diversas especialidades, tecnologias e estrutura de última geração, associadas à qualidade, segurança e humanização destinadas 100% aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS).

Atendimento - Os usuários podem ter acesso aos serviços do CIIR por meio de encaminhamento das Unidades de Saúde, acolhido pela Central de Regulação de cada município, que por sua vez encaminha à Regulação Estadual. O pedido será analisado conforme perfil do usuário, pelo Sistema de Regulação (Sisreg).

SERVIÇO

O CIIR é um órgão do Governo do Pará, administrado pelo Instituto Nacional de Desenvolvimento Social e Humano (INDSH), em parceria com a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa). O Centro funciona na Rodovia Arthur Bernardes, n° 1000. Mais informações: (91) 4042-2157/58/59. 

Por Vera Rojas (HEMOPA)
Garanhuns - PE Atualizado às 16h23 - Fonte: ClimaTempo
21°
Pancada de chuva

Mín. 19° Máx. 24°

Dom 25°C 19°C
Seg 24°C 18°C
Ter 25°C 18°C
Qua 25°C 19°C
Qui 24°C 18°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Enquete
Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias