AppFIG
Anuncio 2 ALEPE
"Eterno guerreiro"

"Meu eterno guerreiro", diz durante velório esposa de policial morto

De acordo com ela, a atuação de André José da Silva na Rocam de Santa Cruz do Capibaribe era a realização de um sonho

03/07/2019 11h17Atualizado há 2 semanas
Por: Jonathas William J.W / Portal Garanhuns Notícias

A esposa do soldado da Polícia Militar André Silva, 32 anos, morto nessa segunda-feira (1º) durante confronto com criminosos em Malhada do Meio, em Santa Cruz do Capibaribe, no Agreste de Pernambuco, estava bastante abalada durante o velório, realizado nesta terça-feira (2) no Sítio Juliana, em Santa Maria do Cambucá, onde ele morava antes de se tornar policial.

De acordo com Dímitra Silva, a atuação de André José da Silva na Rocam de Santa Cruz do Capibaribe era a realização de um sonho. "Ele honrou [a farda] até mesmo com o risco da própria vida", disse a esposa do soldado, entre lágrimas. O soldado deixou três filhas, de um, oito e 14 anos. A viúva revelou sobre como vai lembrar do marido: "Com amor, meu eterno guerreiro, minha vida. Para sempre um guerreiro".

O sepultamento de André Silva aconteceu na tarde desta terça-feira (2) no cemitério de Santa Maria do Cambucá. Policiais militares fizeram homenagens ao colega de farda.

Entenda o caso

Os oito suspeitos de envolvimento na morte de um policial militar em Santa Cruz do Capibaribe, no Agreste de Pernambuco, mortos na manhã desta terça-feira (2) durante uma operação das polícias de Pernambuco e da Paraíba, eram integrantes de uma quadrilha interestadual especializada em assaltos a bancos. De acordo com nota oficial divulgada pela Secretaria de Defesa Social (SDS), uma operação integrada encontrou os suspeitos no Sítio Boi Braco, zona rural, no limite entre os municípios paraibanos de Barra de São Miguel e Riacho de Santo Antônio.

Os suspeitos teriam reagido à investida e foram baleados pelos policiais. Todos os assaltantes morreram. A quadrilha era procurada na região desde essa segunda-feira (1º), quando praticou um assalto contra uma casa lotérica e um mercado no bairro Dona Lica, em Santa Cruz do Capibaribe (PE). Na fuga, o grupo foi perseguido e trocou tiros com dois policiais militares que iniciaram uma perseguição. Na confusão, o soldado André José da Silva, 32 anos, e o sargento Moacir Pereira, 47, foram baleados. O primeiro não resistiu e faleceu. O corpo é sepultado na tarde desta terça no município de Santa Maria do Cambucá, no Agreste pernambucano.

NE 10

NOS LINKS ABAIXO TODO O CASO:

Policial é morto e outro fica ferido durante troca de tiros em Santa Cruz do Capibaribe

Vídeo mostra momento em que PM é morto em Santa Cruz

Oito suspeitos de envolvimento na morte de PM em Pernambuco são mortos no Agreste da Paraíba

Vereador da cidade de Betânia estaria entre os mortos na ação policial na PB

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Garanhuns - PE
Atualizado às 10h53
19°
Chuva Máxima: 20° - Mínima: 17°
19°

Sensação

25.1 km/h

Vento

84.9%

Umidade

Fonte: Climatempo
Anuncio ao lado de mais lidas
Banner sessão 1 Tyoflan (esportes)
Municípios
GastroMED
Últimas notícias
Crianças
Mais lidas
Anúncio