Quarta, 12 de Agosto de 2020 18:07
(87) 9.8130-1122
Polícia Rachadinhas

Ministério Público prende Fabrício Queiroz, ex-assessor de Flávio Bolsonaro

A prisão ocorreu em Atibaia, no interior de São Paulo. Queiroz é investigado por participação em suposto esquema de 'rachadinha' na Alerj à época em que Flávio era deputado estadual.

18/06/2020 07h02 Atualizada há 2 meses
Por: Jonathas William J.W / Garanhuns Notícias
Ministério Público prende Fabrício Queiroz, ex-assessor de Flávio Bolsonaro

O Ministério Público prendeu na manhã desta quinta-feira (18), Fabrício Queiroz, ex-assessor e motorista de Flávio Bolsonaro. A prisão ocorreu em Atibaia, no interior de São Paulo.

Segundo a TV Globo, Queiroz estava num imóvel do advogado do filho do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), Frederick Wassef, e não resistiu à prisão. Além da prisão, policiais também fizeram busca e apreensão no local.

Os mandados de busca e apreensão e de prisão foram expedidos pela justiça do Rio de Janeiro, num desdobramento da investigação que apura suposto esquema de rachadinha na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro. Os investigadores apreenderam dois aparelhos de celular e muitos documentos que eram guardados por Fabrício de Queiroz numa casa em Atibaia.

A operação foi realizada pelo Ministério Público do Rio de Janeiro, com apoio Departamento de Operações Especiais da Polícia Civil de São Paulo e pelo Ministério Público de São Paulo.

O ex-assessor de Flávio Bolsonaro e amigo do presidente Jair Bolsonaro não ofereceu resistência. Por se tratar de um ex-policial, a ação dos investigadores utilizou métodos de elemento surpresa. Os investigadores chegaram arrombando uma das portas da casa para realizar a prisão.

Queiroz foi assessor e motorista de Flávio Bolsonaro até outubro de 2018, quando foi exonerado. O procedimento investigatório criminal do Ministério Público Estadual do Rio de Janeiro que apura as irregularidades envolvendo Queiroz na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro chegou a ser suspenso por decisão do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, após pedidos de Flávio Bolsonaro em 2019.

Garanhuns - PE
Atualizado às 18h07 - Fonte: Climatempo
22°
Poucas nuvens

Mín. 15° Máx. 25°

22° Sensação
19.1 km/h Vento
77.4% Umidade do ar
90% (4mm) Chance de chuva
Amanhã (13/08)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 16° Máx. 26°

Sol e Chuva
Sexta (14/08)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 16° Máx. 26°

Sol com algumas nuvens
Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias