Sexta, 04 de Dezembro de 2020 19:46
(87) 9.8130-1122
Especiais São Francisco

Água do São Francisco começa a abastecer Belo Jardim, a cidade tem primeiro ciclo de abastecimento

A cidade de Belo Jardim, no Agreste de Pernambuco, começou nesta sexta-feira (22) a receber água do Rio São Francisco.

23/02/2019 15h43
Por: Jonathas William J.W / Garanhuns Notícias
Água do São Francisco começa a abastecer Belo Jardim, a cidade tem primeiro ciclo de abastecimento

Os moradores do município de Belo Jardim, no Agreste pernambucano, estão comemorando nesta sexta-feira (22) o primeiro ciclo de distribuição de água do Rio São Francisco, sem interrupção, por meio do sistema integrado de abastecimento da Adutora do Agreste-Moxotó. Desde o início dos testes, o governador Paulo Câmara tem acompanhado sistematicamente o andamento dos trabalhos dos técnicos da Companhia Pernambucana de Saneamento- Compesa entre as cidades de Pesqueira e Belo Jardim. "O governador solicitou o trabalho em tempo integral, nos últimos 30 dias, para agilizar a chegada da água em Belo Jardim", ressalta o presidente da Compesa, Roberto Tavares.

Desde o fim de semana, não houve qualquer registro de vazamentos na adutora, que são intercorrências normais durante os testes operacionais de um novo sistema de abastecimento, garantindo a distribuição de água para todos os bairros da cidade. Belo Jardim é a terceira cidade do Agreste a receber água da Transposição pela Adutora do Agreste. Arcoverde e Pesqueira já estão sendo abastecidas pelas águas do Velho Chico

Desde o início dos testes, foi intenso o trabalho para estabilizar o novo sistema. Durante esse período houve algumas paralisações necessárias para consertos de vazamentos, de grande porte, que ocorreram ao longo dos 80 quilômetros de adutora. “No último domingo, 17, começamos a abastecer ininterruptamente Belo Jardim. Estamos confiantes de que agora o sistema esteja estabilizado, o que permitirá divulgarmos, em breve, um calendário de abastecimento para a cidade”, afirmou Roberto Tavares.

O sistema está operando com sua capacidade máxima para Belo Jardim, que é de 175 litros, por segundo. A água da Transposição do Rio São Francisco era bastante esperada pelos 76 mil moradores da cidade, uma vez que a cidade sofre com escassez de água e está com Barragem do Bitury (que atendia o município) em colapso. O próximo passo será abastecer os municípios de Sanharó, Tacaimbó e São Bento do Una que também enfrentam uma severa falta d’água por causa da estiagem que castiga a região.

A iniciativa de antecipar a utilização da Adutora do Agreste com água do Rio São Francisco e oferecer segurança hídrica aos municípios da região partiu do governador Paulo Câmara, que determinou à Compesa a construção da Adutora do Moxotó, uma obra que teve investimento da ordem de R$ 85 milhões por meio da parceria entre o Governo do Estado e o Ministério da Integração Nacional. A água é captada na Barragem do Moxotó, no Eixo Leste da Transposição, e segue por 70 quilômetros de adutora até a Estação de Tratamento de Água (ETA), de Arcoverde. Nesse ponto, há a interligação com a Adutora do Agreste. Cerca de 400 mil pessoas serão beneficiadas nos municípios de Arcoverde, Pedra, Venturosa, Pesqueira, Alagoinha, Belo Jardim, Sanharó, Tacaimbó, São Bento do Una e São Caetano.

Blog Garanhuns MINHA Cidade
Sobre Blog Garanhuns MINHA Cidade
O Blog oficial da página Garanhuns MINHA Cidade
Garanhuns - PE
Atualizado às 19h45 - Fonte: Climatempo
23°
Poucas nuvens

Mín. 20° Máx. 30°

23° Sensação
25.5 km/h Vento
66.5% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (05/12)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 19° Máx. 30°

Sol com algumas nuvens
Domingo (06/12)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 19° Máx. 29°

Sol com algumas nuvens
Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias